Saiba como garantir mais empatia na relação médico paciente

4 minutos para ler

Ter empatia na relação médico paciente deve ser prioridade na clínica. Isso porque essa estratégia tem o objetivo de melhorar a experiência das pessoas no consultório, deixando-as mais satisfeitas e felizes com o atendimento prestado por todos os profissionais que fazem parte da empresa. Por isso, é preciso saber se colocar no lugar do paciente e, assim, você conseguirá entender quais são suas reais necessidades. 

Quer descobrir como garantir mais empatia na relação médico paciente? Veja as dicas a seguir! Boa leitura!

Ouvir o cliente com atenção

A hora da consulta é um momento muito importante para o paciente, pois é nela que ele vai dizer tudo o que está sentindo, como suas dores, preocupações, medos etc. Por isso, assim que ele chegar em sua sala, deixe-o falar tudo o que deseja sobre sua enfermidade, ouça-o com atenção e sem interrupções. Ele precisa saber que você se preocupa com a situação que ele está descrevendo para que sinta confiança no seu trabalho.

Falar de modo que ele entenda

Uma das formas de demonstrar empatia na relação médico paciente é ter uma comunicação clara com quem vai ao seu consultório. Isso significa que é preciso falar de uma maneira que todos entendam a mensagem que você quer transmitir. Lembre-se de que os pacientes não são obrigados a entender os termos técnicos da área médica. Por isso, é preciso usar uma linguagem próxima, para que eles entendam a dimensão real de suas condições de saúde.  

Ser gentil e cordial

A cordialidade e a gentileza devem fazer parte da vida de qualquer cidadão, e na medicina não é diferente. Se você deseja que os consumidores tenham respeito e admiração pelo seu trabalho, é preciso tratá-los muito bem, mesmo em dias que tudo parece dar errado. 

Para que isso seja possível, cuide do seu emocional e busque separar a vida pessoal da profissional. Dessa forma, é possível evitar levar os problemas de casa para o trabalho e vice-versa. Com isso, fica mais fácil ter empatia por todos ao seu redor, tratando os pacientes como você gostaria de ser tratado.  

Atendimento humanizado

O atendimento humanizado é uma das melhores maneiras de se colocar no lugar do paciente. Isso porque você conseguirá entender os sentimentos do outro, sensibilizando-se com a realidade dele. Então, para fazer isso da melhor maneira possível, siga estas dicas:

  • receba todos sempre com um sorriso no rosto;
  • chame as pessoas pelo nome;
  • olhe nos olhos do paciente e escute com atenção tudo o que ele fala;
  • explique como funciona todo o processo de atendimento;
  • seja realista com o quadro clínico do indivíduo;
  • pergunte se há dúvidas sobre o que você falou na consulta.

Quando se tem empatia na relação médico paciente, é possível garantir inúmeros benefícios para sua clínica. Entre eles estão a fidelização dos clientes com o consultório e a credibilidade da empresa diante do mercado. Além disso, você também garante que o negócio tenha uma comunicação mais eficiente com o público, fazendo com que todos confiem mais no seu trabalho. A partir disso, você consegue atrair novos clientes para o empreendimento, visto que as chances de os consumidores indicarem os seus serviços para outras pessoas aumentarão. 

Agora que chegamos ao fim de mais um texto, não deixe de compartilhá-lo nas suas redes sociais. Assim, você poderá alertar outras pessoas sobre a importância da empatia nos atendimentos médicos!

Você também pode gostar

Deixe um comentário